Energia renovável - na imagem duas mãos segurando um planta no centro

Fonte de energia renovável: Tudo o que você precisa saber?

Muito tem se falado sobre a importância do uso de uma fonte de Energia Renovável para a continuidade das atividades industriais, visando maior qualidade de vida. No entanto, muitas são as pessoas que não reconhecem os reais benefícios desse avanço em sustentabilidade.

Para nós consumidores de energia elétrica, uma fonte de energia renovável pode trazer diversas vantagens diretas, tendo na economia na conta de luz a principal delas. Mas para o setor industrial os benefícios vão além da economia, resultando em ganhos sociais e ambientais, principalmente diante da atual ameaça das mudanças climáticas e do aquecimento global, agravados por fontes de combustíveis não renováveis.

Por isso, é bastante importante que você tenha maior conhecimento sobre as principais fontes energéticas renováveis, caso da biomassa, conhecida como a fonte mais importante em plantas industriais, principalmente para abastecer caldeiras.

 

O que é uma fonte de energia renovável?

Também chamada de energia limpa ou alternativa, uma fonte de energia renovável é aquela que vem de recursos da natureza e não gera resíduos poluentes, nem contaminam o ecossistema durante o processo de produção ou consumo, indicando o apelo sustentável.

Toda fonte de energia renovável é gerada por recursos que são naturalmente reabastecidos pelo ciclo natural, sendo por isso inesgotáveis. Esse tipo de fonte energética pode ser obtido por diversos meios, tais como hidrelétricas, captação eólica e solar, além dos resíduos florestais/agrícolas, representados pela biomassa.

O uso da fonte de energia renovável permite ganhos significativos para o clima e para o meio ambiente. Isso porque ela promove, a longo prazo, redução da concentração de gases poluentes na atmosfera, resultando no controle do efeito estufa e na preservação dos recursos naturais.

Quando falamos em energias renováveis, o Brasil pode ser visto como referência, principalmente devido à capacidade de produzir energia renovável de diversas formas. Dados oficiais apontam que 45% da matriz elétrica brasileira vêm de fontes renováveis, representadas pela energia hidrelétrica, eólica, solar e biomassa.

Vale também dar maior atenção à biomassa, já que ela vem representando uma fonte de energia renovável com alta representatividade para plantas industriais, sendo esse um combustível capaz de gerar energia renovável de elevada qualidade, quando é queimado em caldeiras, como veremos a seguir.

 

Biomassa: ótima fonte de energia renovável de caldeiras industriais

Em um cenário onde a busca por fontes de energias renováveis guia muitos investimentos por parte das indústrias, a biomassa adquire protagonismo, principalmente por atender o tão falado tripé da sustentabilidade, representado por ganhos na parte social, econômica e ambiental.

Na questão econômica, observa-se que toda fonte de energia renovável a partir da biomassa é mais barata e promove o aumento da diversificação da matriz energética brasileira, reduzindo a dependência por combustíveis fósseis.

Os benefícios sociais do uso da Biomassa são também significativos. Já que a produção dessa fonte de energia renovável permite uma expressiva geração de empregos (diretos e indiretos), principalmente no ambiente rural.

Por fim, os benefícios ambientais da biomassa são expressivos. Este combustível para caldeiras tem por característica não contribuir com o aquecimento global, que é muito agravado pelo aumento da emissão de gases de efeito estufa (GEE). 

A biomassa também tem por característica a neutralização de emissão de carbono na atmosfera, isso porque a quantidade de CO2 absorvido durante a fotossíntese, corresponde à quantidade emitida quando a biomassa é posteriormente convertida em energia.

 

Mesmo com todos os benefícios, a queima da biomassa ainda evolui!

Uma das principais vantagens da biomassa como fonte de energia renovável é que o aproveitamento pode ser feito de forma direta em caldeiras à biomassa. Além disso, como já citamos, a biomassa é um combustível renovável que teoricamente tem a emissão de carbono neutra. 

Mas, nos detalhes do processo produtivo, essa neutralidade não é 100% assertiva! Isso porque durante a cadeia produtiva destas biomassas há a emissão de carbono de diversas formas, como por exemplo, a emissão de Carbono decorrente das máquinas de plantio, durante o cultivo, colheita e transporte dos materiais.

Mas isso não significa que essa fonte de energia renovável não deixa de ser melhor que as fontes fósseis, indicando a importância da sustentabilidade na produção energética do setor industrial.

Para isso, melhorar a eficiência de queima em caldeiras, priorizar o transporte sustentável da matéria-prima e ser mais flexível nas ações produtivas são fundamentais para que a biomassa continue sendo uma das fontes energéticas renováveis mais importantes do ambiente industrial.

 

Para saber mais sobre a biomassa e as medidas para que sua queima seja mais eficiente, te convidamos a acompanhar o blog da COONTROL.

[catálogo] Baixe nosso material e conheça toda nossa linha de equipamentos como analisadores de gases, sistemas de medição e monitoramento instantâneo dos indicadores de processo, todos voltados para a entrega de eficiência energética a indústrias. | COONTROL

Avalie este conteúdo

Quer receber mais conteúdos como esse gratuitamente?

Cadastre-se para receber os nossos conteúdos por e-mail.

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.
Ops! Captcha inválido, por favor verifique se o captcha está correto.

Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.